Rua da Vigilância nº 2998, Nampula, Moçambique

Silvermoz deixa de fornecer assistência a Windows XP

fim end windows xp

O Windows XP é um sistema com mais de 19 anos de existência, mas é um sistema que já “morreu”. Mesmo que ainda hoje existem milhares de computadores usando o sistema sem problemas a verdade é que ele é um verdadeiro Zombie Tecnológico já que desde 8 de abril de 2014, a Microsoft parou completamente de fornecer suporte ao Windows XP, mas o que isso significa para os advogados e escritórios que usam esse sistema?

1 – Segurança

Com o fim do suporte que a Microsoft fornecia ao XP, esse é, com certeza, o principal motivo para deixar seu XP descansar em paz. Hoje não existe mais assistência técnica por parte da Microsoft ou Parceiros para empresas ou consumidores que eventualmente venham ter problemas no Windows XP. Além disso, ela não fornece quaisquer patches de segurança ou atualizações para ele, o que em primeiro momento pode não parece muito importante, mas é um exemplo de como os utilizadores do XP estão colocando em risco tudo o que fazem no computador é o recente anúncio de uma falha de 19 anos que permite a hackers controlar computadores com Windows não atualizados a distância. Se seu computador for invadido por um hacker, esse invasor poderá executar programas remotamente fazendo que seu computador espalhe vírus, cometa crimes, sequestre ficheiros, roube dados sigilosos (inclusive as suas próprias informações bancárias) e chegar ao ponto de apagar tudo o que você tem no seu computador e nos computadores ligados na sua rede interna.

Mesmo no seu escritório todos os outros computadores rodem versões mais novas da Microsoft, como o Windows 7, 8 ou 10, bastaria apenas um computador usando Windows XP e ligado na Internet para permitir que o hacker use ele como “ponte” para atacar os outros computadores da sua rede interna.

O Windows XP é dos vários sistemas que são afetados pela falha (que estão presentes em todas as versões desde o Windows 95), mas no caso do Windows 7 e 8 essa falha já foi corrigida (através de uma atualização disponibilizada pelo Windows Update) mas no XP é outra história, como a Microsoft não dá mais suporte a ele, e esse bug jamais será corrigido deixando assim seus utilizadores praticamente com um tapetinho escrito “Bem-Vindo Hackers” daqui para frente.

2 – Incompatibilidade de aplicativos

Hoje em dia já existem vários programas que não funcionam mais no XP e que nunca mais irão funcionar. Desde que o XP foi lançado, o mercado de hardware e software mudou consideravelmente, como era de se esperar, e o que era importante em 2001 já não é tão importante hoje. Sim, talvez você ainda rode aquele programinha desenvolvido pelo amigo do primo do seu vizinho à 15 anos atrás e que roda perfeitamente no seu XP para fazer alguma coisa muito importante para você, por outro lado, é questão de tempo para que outros softwares importantes para você, como Java, Antivírus, editores de texto, navegadores de Internet, deixem de funcionar. Muitos desenvolvedores já estão abrindo mão de criar e atualizar programas para o velho XP, que cada dia que passa vai ficar mais difícil de ver desenvolvedores se preocupando com um sistema tão antigo o que, cedo ou tarde, vai acabar prejudicando seu trabalho em casa ou no escritório.

É importante lembrar que alguns programas mais novos, como o Office 2016 e versões mais novas do Internet Explorer, já não rodam no Windows XP a um bom tempo e a tendência é que a lista só aumentar daqui para frente. Caso você decida fazer um upgrade na sua máquina para uma versão mais nova do Windows tem que saber que existe a possibilidade daquele programinha desenvolvido pelo amigo do primo do seu vizinho à 15 anos atrás pare de funcionar em uma versão mais nova, o que é minimizado em grande parte pelo fato que o Windows 7 e 8 tem embutidos no sistema o chamado Modo de compatibilidade do Windows XP, mas mesmo se com o módulo de compatibilidade seu programa não funcionar, talvez seja a hora de considerar fazer um upgrade nele também.

3 – Evolução da tecnologia

Em 2001, quando o XP foi lançado, praticamente não existiam redes sem fio, USB 2.0, smartphones, tablets, multifuncionais, câmaras digitais, certificados digitais, telas touch screen e mais uma infinidade de tecnologias que nós usamos todos os dias hoje. Com o passar dos anos o XP recebeu algumas atualizações (conhecidas como Service Packs) a fim de permitir que o sistema utilizasse essas tecnologias mas não se engane, o sistema não foi feito originalmente para suportar essas tecnologias, foram feitas adaptações a fim de permitir que essas tecnologias funcionem mas muitas delas funcionam de maneira muito precária e incompleta. De que adianta ter um super computador que você pagou um grande valor por ele e usa um sistema operativo que não dá conta de utilizar o que o hardware fornece a ele?

Outro problema são os periféricos. Utilizar um sistema operativo que tem mais de uma década em algum momento vai te colocar em uma situação difícil na hora que precisar comprar uma impressora, scanner ou qualquer novo dispositivos que você quer utilizar em seu computador. À medida em que novas tecnologias são desenvolvidas, elas geralmente são projetadas com os sistemas operativos mais recentes em mente, e provavelmente não serão suportadas no Windows XP e, por esta razão, dificilmente as impressoras sem fios, teclados Bluetooth ou monitores 4K que você iria querer utilizar vão funcionar direito.

Vale a pena fazer um upgrade?

Agora que, provavelmente você já se convenceu dos principais motivos para abandonar o Windows XP você deve estar com uma pergunta que é inevitável: será que vale a pena fazer a migração da versão mais nova do Windows? Essa indagação não tem uma resposta ideal porque depende de cada usuário que tem suas necessidades e experiências especiais e se seu computador é capaz de rodar esse novo sistema, ou se vai precisar de um upgrade ou troca do equipamento. As principais opções hoje são três: Windows 7 (brevemente chegando os dias do fim de suporte), Windows 10 e Linux.

Windows 7

O Windows 7 é um sistema estável e compatível com a grande maioria dos aplicativos e equipamentos existentes hoje no mercado. Ele tem suporte regular até o fim de janeiro 2015 (com atualizações de segurança até 2020) mas ele é um sistema que não está mais sendo vendido oficialmente no mercado mas ainda é muito instalado pelos “pirateiros” de plantão (o que pode ser tão perigoso quanto utilizar um sistema desatualizado como o XP). Para entender as datas que os sistemas terão suporte da Microsoft basta visitar esta página da empresa que explica as datas e os prazos de suporte.

Windows 10

O Windows 10 (sucessor do Windows 8.1) é a versão padrão do Windows nos computadores comprados a partir de 2014, é um sistema que tem todas as vantagens técnicas do Windows 7 mas por conta da sua interface completamente nova ainda enfrenta muita resistência por parte dos utilizadores. Geralmente o Windows 10 ou é adorado ou é odiado por seus utilizadores, mas uma vez passado o período de adaptação é possível trabalhar no Windows 10 da mesma forma que o Windows 7. O Windows 10 oferece enumeras vantagens especialmente na segurança robusta e estabilidade de Sistema. Facilita a manutenção e a pesquisa forense em caso de avarias.

Linux

O Linux é mais uma opção para você e seu escritório, mas já fique avisado, se você não gostou do Windows 10 provavelmente vai gostar ainda menos do Linux que é totalmente diferente do Windows e, de certa forma, fará com que você tenha que aprender a utilizar de novo o computador de novo, o que não significa necessariamente uma coisa má. Se você tem uma máquina muito antiga que roda XP mas que não vai conseguir rodar o Windows 7, 8.1 ou 10, existe a possibilidade que usando uma distribuição mais leve como a Lubuntu.

Hoje em dia, comprar um computador novo está bem mais fácil em conta que em 2001, quando o XP foi lançado, com Notebooks sendo vendidos em supermercados e computadores Desktop sendo montados sob medida em praticamente qualquer loja de informática. Não fique sofrendo (e correndo risco) ao utilizar um computador velho e desatualizado.

rip windows xp fim

Conclusão

A Silvermoz, Lda, tornou-se recentemente Parceiro da Microsoft, para tais efeitos, é obrigado a seguir as regras que a Microsoft propõe em que algumas delas são oferecer suporte de qualidade aos clientes finais, assistir aos produtos da Microsoft que estão activos para assistência excluindo os obsoletos e garantir a prestação de serviço de qualidade aos clientes.

Deste modo informamos que a Silvermoz, não irá fornecer assistência para os seguintes sistemas operativos a partir de :

  • Win 3.1
  • Win 95
  • Win 98
  • Win XP
  • Win NT
  • Win 2000
  • Win ME
  • Win CE
  • Win Vista

A assistência técnica para o Windows 7 irá até ao final do ano de 2020

Vamos migrar para windows 10? Contacte-nos já